┼┼ Versos Góticos ┼┼



E no momento sepulcral
Do enterro do meu corpo
Encontrarei a paz final
pois enfim estarei morto.


De que me vale a juventude
Se a desperdiço pensando?
Jovem sem atitude...
Entregue aos vícios vai definhando


Sinto falta do que nunca tive
Quero coisas que nunca vi
Conheço lugares onde nunca estive
Sinto saudades do que não vivi


O sombrio cemitério
E seu aspecto mortuário
É o fúnebre império
Do coveiro solitário


Eu sou a vida e a morte
Ambas habitam minha mente
Não sou fraco, nem sou forte
Sou apenas diferente...


Minha vida é cheia de sonhos
Que nunca se tornam realidade
Minha mente é povoada por demônios
Sou vítima da minha insanidade


Não notarão quando eu houver partido
Pois morrerei uma morte sem sentido
Como se eu nunca tivesse existido
Eu morrerei, sem nunca ter vivido...


_______

autoria: Deusa Muorta (com pequenas adaptações de Lady643)

6 comentários:

  1. "Como se eu nunca tivesse existido
    Eu morrerei, sem nunca ter vivido..."

    Sou cada vez mais uma sombra
    um compartimento vazio
    a indolência do ser...

    Beijos em ti...

    ResponderExcluir
  2. Muito legal... Adorei esses versos góticos... Mesmo eu não sendo gótico.

    ResponderExcluir

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Livros Que Desejo