A Marca

É mentalizando o Fim, que reencontro o Início;
É na destruição das ilusões que vejo a esperança;
É nas cinzas que vejo a Fênix ressurgida;
É nas minhas lágrimas que encontro a calma...

É no fechar dos meus olhos que tudo fica claro;
É na Escuridão que vejo a Luz, e sigo o caminho contrário...
Sigo "A Lei do Amor, amor sob vontade"...
Eu trago A Marca comigo, e A levo por onde vou...


/Morphyna Nefilim*

Um comentário:

  1. perfeito! amei...se puder volta la agradeço!

    ResponderExcluir

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Livros Que Desejo