Evocando a Morte



Evocando a Morte



No frio da madrugada as horas se eternizam
Sinto em minh'alma, de forma intensa,
Um vazio; Uma Dor que martiriza
Nas sombras que aos seus filhos escravizam
E que em teus braços frios acalentam...



Princípio sem fim de todo tormento
Sinto em meu peito um enorme vazio
Não sinto meu sangue nas veias correndo
Cortei-me p'ra ver meu sangue escorrendo
Sangram mais as palavras que não digo...



Na calada madrugada, as horas não passam
E como refúgio eu me ponho a escrever
Palavras de Dor, tristeza e desgraça
Evocando a Morte nas minhas palavras
Rimando meus versos: Morrer!... Morrer!...



- by lady Morphyna -



10 comentários:

  1. Olá!
    Passando pra conferir teus textos e desejar um bom final de semana!

    OBs: Adorei o sofá preto! hehehe!
    bjs e paz!
    http://guerradosmundosleka.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Uau...
    tão profundo esse teu poema!
    me arrepiou rss
    Bom find pra ti,lady.
    Um beijo

    ResponderExcluir
  3. Olá, estou passando só para avisar que amei o MeMe e a sua poesia também.
    Beijinhos Sangrentos
    http://Akashya-meumundo.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. UMA BELO E OBSCURO POEMA QUERIDA AMIGA!!!!
    BOM VIR AQUI E LER SUAS LINDAS PALAVRAS!
    BEIJOS

    ResponderExcluir
  5. ahh, querida verdade, exagerei. eu estava tão triste que desabafei no blog, é o único lugar que me restava, não queria que ninguém "familia e amigos" soubessem o que estava sentindo...
    obrigada mesmo pelo carinho imenso
    e por ter me dito o que acontece com vç tbm quando esta triste...
    adoro-te....
    desculpa qualquer coisa..rsrsr

    bjãooo ta...

    ResponderExcluir
  6. OI AMIGA.
    TEM SELINHO PARA VOCÊ NO BLOG.
    O LINK:http://twixar.com/USltH7FY
    BEIJOS

    ResponderExcluir
  7. Oi adorei seu poema
    parece descrever o que estou
    passando... otimo poema
    parabens... as horas malditas
    parecem que não passam
    o poema novo do meu blog
    se trata sobre tempo
    da uma passadinha la
    abraços... bom fim de semana
    fui!

    ResponderExcluir
  8. Nossa, entrei aqui e adorei este poema.Nem direi mais nada para não tirar-lhes o encanto ^^

    P.s: Tens um selinho para vchttp://dainholiver.blogspot.com/2011/05/tres-lindos-selinhos.html


    bjos!

    ResponderExcluir
  9. Muito Bom; "Na calada madrugada, as horas não passam
    E como refúgio eu me ponho a escrever
    Palavras de Dor, tristeza e desgraça"

    gostei de +

    Beijos Solitarios

    ResponderExcluir
  10. Saudações linda milayd, encantado com tuas doces obscuras escritas, convido a ti para visitar e seguir o blog que administro, seria uma honra tê-la em meus aposentos. Aguardo tua visita. Bjo gótico em teu coração!!!!!

    Deixo email e MSN para contato: tiagodotto-guitar@hotmail.com

    Fica o convite para troca de banner nos teus blogs, e podermos trocar palavras

    ResponderExcluir

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Livros Que Desejo